SERÃO 10 MILÕES DE LITROS AMAIS NA PRODUÇÃO DIÁRIA DE DIESEL.

Uma das obras orçadas no Novo PAC, do Governo Federal, é a construção de uma nova unidade da Replan (Refinaria de Paulínia), com o objetivo de reduzir a dependência brasileira de combustíveis e derivados fosseis. A obra promete ampliar em 10 milhões de litros de Diesel por dia a capacidade produtiva da refinaria que já é a maior processadora de petróleo da Petrobras. Atualmente, a Replan tem capacidade de produção de até 24 milhões de diesel por dia.

A unidade de hidrotratamento que está em construção é a maneira de produzir diesel com impacto menor no meio ambiente, onde o HDT gera hidrogênio a partir de um forno de 1,3 mil graus e 130 toneladas de vapor por dia que remove os contaminantes como o enxofre do combustível reduzindo assim o impacto no meio ambiente.

Com um investimento inicial de US$ 458 milhões, a HDT está em construção desde 2022 e tem previsão de entrar em funcionamento em 2025. A Replan atende a 30% do território brasileiro processando 69.000 m³ de petróleo por dia equivalente a 434 mil barris. Além do diesel, na planta de Paulínia são produzidos derivados como gasolina, querosene de aviação, gás liquefeito de petróleo (GLP – o gás de cozinha), óleo combustível, asfalto, propeno e bunker, entre outros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *